Knock, knock!

Seja bem-vinde ao Kakumei, criatura da noite!
Estamos na versão Mês das Bruxas, e na segunda edição do projeto BRUXAS DO 31 (de Outubro), juntamente com a Shana, do HISHOKU NO SORA! Nós te convidamos para conferir o que anda rolando de gostosuras e travessuras por todo o mês de Outubro nos dois blogs!
Enjoy & be careful!

Este é um blog pessoal e intransferível que pertence à mim. Fique à vontade para zanzar por aqui, deixar sua opinião e voltar quando quiser!
Obrigada pela sua visita, espero te ver novamente! o/



POSTAGEM PROFILE KAKUMEI


The babe with the power

Tenie/Sté/Teh/Steph. Touro [30/04] do ano do Cachorro. Acredita em horóscopo e gosta de MBTI. Graduada na USP. Vir-a-ser Escritora. Bookaholic em crise. Desenhista quando dá na telha. Cantora de chuveiro.
Lufa-Lufa de cabo a rabo. Gosta de musicais, mangás e hqs, desenho animado, doramas, séries, filmes e o que mais vier.
Like romantic things like musicals and martial arts' movies. So whyyyyy don't I have a boyfriend? F***K! It sucks to be me!
Desventurando-se em série desde 1994. Ainda vai encontrar seu propósito.

The Coven


Livros, Nipon e Blá,blá,blá
Tomorrow

Todo mundo é bem-vinde, é só chegar mais!

Participo

Arquivos

Créditos
[MEME] O post sobre a minha vida, se ela fosse um filme
Postado por Tenie | segunda-feira, 25 de abril de 2016 | 0 Comentários | link to this post
Oi vocês! Todos de buenas?
Eu estou cansada - o que não é novidade, porque Tenie está sempre cansada - porém calma e levemente otimista, o que pode ser considerado um tipo de novidade.
Hoje eu tive prova da minha última obrigatória e acho que deixei que o desespero tomasse um pouquinho conta de mim, mas fiquei com a melhor poker face jamais vista. Mas agora eu não estou desesperada, acho até que deu tudo mais ou menos certo.
Eu estou divagando, mas só porque estou realmente esgotada e ainda tenho mil rolês pra fazer... Okay, os rolês serão feitos, cada um a seu tempo.
Vai ser uma semana muito cheia, eu estou nervosa e preocupada, mas confiante. Coisas importantes estão para acontecer nesta semana e eu sinto que meu mundo está prestes a aumentar inimaginavelmente. Mas estou evitando pensar para evitar as ondas de ansiedade.
Hoje tem meme - no blog mais memeístico que vocês conhecem, o que não é novidade. Este meme, por acaso, também não é novidade pra mim. Já fiz várias vezes no Tumblr - esta versão e uma variação que consiste em fazer uma playlist dessas pra um casal que vai ser sugerido pelos followers (Já fiz pra Thominho, Newtmas e Romione - e eu gostei muito).
Bom, o meme de hoje, um gentil oferecimento das queridas Shana e Hello, é uma playlist aleatória da sua vida! Yay!
Eu estou extasiada, porque eu amo música e amo memes/tags! It's like heaveeeeen! É como se minha vida fosse o Mama Mia ou o American Idiot ou o We will rock you, um musical cheio de músicas que não são minhas! Yay!
Vamos ao meme, finalmente!

Meme: Se sua vida fosse um filme, qual seria a trilha sonora?

Regras:- Abra sua lista de música (ipod, itunes, windows media player, etc.);
- Coloque no modo shuffle/random/aleatório;
- Aperte o play;
- Para cada pergunta abaixo, escreva o nome da música que esteja tocando;
- Quando passar para a próxima pergunta, aperte o botão pra avançar pra outra faixa;
- Não minta e não tente parecer legal;

🎶 Tema do seu nascimento: Emboscada - Pitty

[Na verdade, eu tenho o Admirável Chip Novo mas nunca ouvi inteiro. Mas, bom, acho que isso combina muito e dá a tônica da minha vida]
"Quando nasceu a pequena e já cabeluda Tenie, nossa protagonista, ninguém lhe deu o aviso prévio de que estar nascido era uma cilada, Bino"

🎶 Primeiro dia na escola: Hounds of love (Alternative version) - Kate Bush

[Essa música é sobre alguém que está com medo de ser capturado pelo amor, mas já está praticamente apaixonado. Acho que podemos deduzir que, se minha vida fosse um filme, o primeiro amor é alguém que foi ao jardim da infância comigo. HAHAHAHA]

🎶 Tema do seu primeiro amor: Comme un garçon - Stereo Total

Bom, acho que o primeiro amor vai ter que aceitar que somos iguais social, legal e economicamente. Essa música tem uma vibe meio Tre metri sopra il cielo, só que, ao invés de eu ser a patricinha que entra numa relação abusiva, eu provavelmente ia ser radical :3

🎶 Tema da sua primeira decepção amorosa: In my place - Coldplay

[A música é uma música sobre decepção e sobre um relacionamento que provavelmente vai acabar porque eu não posso mudar certas coisas sobre mim. Enquanto taurina, isso me parece altamente verossímil. Parem esse meme, it's getting too real!!!]

🎶 Tema de sua vida escolar: Figure 8 - Ellie Goulding

[Bom, é sobre perseguir um amor incansavelmente e se decepciona. Minha vida fictícia tem que parar de girar em torno do meu romance da pré-escola, não tá sendo legal. HAHA]

🎶 Tema da sua primeira briga: You're the moon - The hush sound

[Eu gostei dessa aqui. Seria uma briga bastante dramática. Longas cenas sobre a minha solidão, por eu ser tão misteriosa e inatingível (A música é sobre mim, não de mim pra alguém, ok? Sim, sim)]

🎶 Tema do seu primeiro porre: Arms - Christina Perri

"A fossa tá braba pra Tenie, nossa protagonista, que não consegue se conectar com a pessoa amada e, agora, numa cena cheia de dissonância lírica, ela está em agonia, sofrendo, e relembrando do amorzinho."

🎶 Tema atual da sua vida: Funky Squaredance - Phoenix

[Eu tenho esse álbum também, mas nunca ouvi inteiro, mas a primeira estrofe da música, que fala sobre alguém que está preso no limbo do dia-a-dia, que não ganha ou perde porque não consegue romper com sua inércia, me fez refletir e eu me identifiquei um pouco. Depois disso, a música é sobre um cara que morreu e está com dor de cotovelo da namorada viva? Eu não gosto dessa música, anyway.]
"Tenie não está bem. Pode ser a Síndrome de Cottard ou ela pode estar simplesmente muito reclamona para fazer sentido. Tenie, você está viva. Só pode morrer nas últimas músicas. Uma história não pode ficar sem protagonista. Vá cuidar da sua vida, pelo amor de Deus."

🎶  Sua canção de namorados: One last look around the house before we go - Kate Bush

[É uma música instrumental fofa e meio triste. Achei perfeita!]
"E todos os takes a partir daí eram pastéis e brilhantes e, para efeito poético, diremos que a vida amorosa de nossa protagonista foi como um sonho."

🎶 Primeira traição: Soft - Washed Out

[É uma música com uma batida bacana e muito suave também. Não é necessariamente sobre separação, mas também não é sobre um amor eterno e louco. Eu acho que é sobre sexo, mais precisamente um one-night stand]
"Como um sonho... Só que não, trouxa."

🎶 Música do seu casamento: Promise this - Adele

Meldels, eu AMOAMOAMO essa música! É um cover que a Adele fez e que é mil vezes melhor que a original. Bom, seguindo a linha da canção dos namorados bonita e melancólica, temos aí uma música dramática de casamento.

🎶 Trilha sonora da sua primeira vez: Starships - Cover de Mike Tompkins feat. o cast the Pitch Perfect e fãs

[Também gosto da versão original da música. Estou guardando todas as sugestões que a função random do meu player tem me dado para a minha primeira vez. Vou usar todas]

🎶 Trilha sonora para as demais vezes: Bravest Everything - Yuna

[UUUUH, essa foi boa! É tão romântica que a gente poderia substituir essa pela de cima e vice-versa. Ou deixar assim mesmo.]


🎶 Primeira canção em seu carro: Runnin anticlockwise for a fall - Pájaro Sunrise

[Essa música foi meu amorzinho por uns anos, desde que eu tinha meus 14 anos. Eu ainda adoooro o primeiro álbum dessa banda, então, achei digno]
"O que mais nossa protagonista poderia pedir? Vento nos cabelos num dia morno, trânsito na Marginal e o carro morreu uma vez antes de ela estacionar, mas, afinal, isso não é parte do pacote da fenomenal vida adulta?"


🎶 Primeira viagem de carro: Golden - Fall Out Boy

"Tenie constatou que deveria ficar apenas com as músicas que gostava e não com vários álbuns meio ouvidos, porque aí as músicas aleatórias nunca eram aleatórias como ela gostaria"


🎶 Tema dos teus flashbacks: Little Lion Man - Mumford & Sons

"A wild flashback appears, tocando banjo, por sinal."


🎶 Tema de nascimento do seu primeiro filho: Stay Alive - Hamilton cast

[Se não me engano, quando essa música começa, a Eliza está grávida do Hamilton e rezando pra ele voltar vivo da guerra para ver o filho, mas essa música chegou cedo demais]



🎶 Música que estará ouvindo quando morrer: Are you hurting the one you love? - Florence + the Machine

[Yay! Florence!]


🎶 Música do funeral: Wake up with me - Gabrielle Aplin

[Nossa, que triste! Esta música no contexto da pergunta é muito triste]
"E chegamos ao fim da nossa narrativa..."



🎶 Música que cantará para todos onde estiver: Parachutes - Coldplay

In a haze, a stormy haze
I'll be round, I'll be loving you always
Always

Here I am and I'll take my time
Here I am and I'll wait in line always
Always

"... Ou não"


Descem as cortinas e começam os aplausos efusivos ao meme!
Para este meme eu vou indicar a Beca e a Sah (conheçam a Sah, que era minha kouhai no colégio). Divirtam-se!
Agora, neste exato momentinho, alguma coisa deu xabu no Photobucket e o blog tá parcialmente desconfigurado. Vou arrumar isso logo ou só daqui uma semana. Por enquanto, aproveitem o meu espaço sideral pixelizado do fundo, com o logo reluzente (mas sem minha nave espacial!), que foi o que deu pra salvar. Voltou ao normal, nem precisou entrar em pânico.
Quero pedir a vocês que me mandem boas energias nesta semana! Obrigada, querides!
Kisus, kisus!



Marcadores: , ,



Um outro post sobre cansaço
Postado por Tenie | segunda-feira, 18 de abril de 2016 | 2 Comentários | link to this post
Acho que sou obrigada a concordar com um professor meu. O pessoal com 18, 19 anos tem muito mais energia que eu, com quase 22.
É meu último ano de faculdade, eu estou com poucas matérias, mas me sinto bastante drenada. A maioria dos meus amigos já não vai mais, porque só precisa fazer o TCC ou só faz optativa em dias que eu não vou, então a coisa está bem morna. Hoje, em especial, eu acordei com uma saudade enorme dos meus amigos.
Claro, vamos marcar um rolê, mas só no fim do mês, porque esse rolê acontece de ser o rolê de aniversário de moi! hahaha
Confesso, parte de mim, como sempre, está mega-desanimada. Eu costumo ficar bastante desanimada quando é meu mês de aniversário, confesso. Desde sempre foi assim, mas eu estou tentando me manter animada e positiva.
Acho que o fato de eu estar procurando estágios desde ano passado e não ter conseguido nada está me jogando pra baixo. A pressão (do tempo mesmo) e a expectativa têm me matado. Bem como a pressão de passar na minha última matéria obrigatória.
Falando de coisas boas, eu completei minha coleção de Rurouni Kenshin! Tô tão feliz!
Agora só falta completar Yu Yu Hakusho e prosseguir com Aoharaido. Também quero comprar Lovely Complex. Não sei onde vou arranjar dinheiro pra isso, pra feira do livro e pras peças que eu quero ir - apesar de eu ter guardado religiosamente cada trocadinho que me caiu nas garras nos últimos meses.
Tentei fazer uma coisinha mais bonitinha, tratar as fotos, mas não deu muito certo. Bom, farei melhor da próxima. Nas fotos a seguir, todos os 28 volumes da série regular mais os dois da "versão do autor" (Será que é tipo "versão do diretor" que os filmes têm? Eu digo pra vocês quando eu descobrir, mas, de longe, o traço já é 200% melhor que do primeiro volume. Nada como o trabalho para trazer aprimoramento, eu acho)


Bom, eu estou fazendo tudo o que eu posso - ou seja, mandando currículo até pra minha avó e estudando bastante pra minha obrigatória - então, acho que me resta torcer pelo melhor agora.
A única coisa na qual eu consigo pensar agora é que eu estou ficando desesperadoramente sem espaço pros meus mangás e livros (Bom, em partes porque ainda não consegui vender as coleções que eu não quero mais. Se vocês souberem de alguém interessado em Otomen, Samurai Girl e uns 20 volumes de Bleach, mandem me procurar, que eu tô precisada de me livrar desses mangás).
Por falar em mangás, eu ia vender minha coleção de Fushigi Yuugi, mas aí eu fui folhear um dos mangás e descobri que, uma coisa que eu achei que tinha acontecido, não tinha acontecido. Aí eu fiquei com o queixo caído, néam? Desisti de vender, vou reler quando eu tiver saco.
E a vida tem seguido mais ou menos assim. Post que vem deve ter meme, porque isso aqui é só meme e choradeira, então, se preparem.
Eu espero que vocês tenham uma ótema semana curtinha (PORQUE VAI TER FERIADO DE TIRADENTES, BEBÊ!)!
Kisus, kisus
[EDIT: Vocês viram a palha assada que rolou ontem? Olha, estou montando uma caravana pro Uruguai, que não tem Trump, por enquanto, e nem é tão longe - dá até pra visitar a família nos feriados. Vámonos? Sério, tô tão desapontada com isso... Pelo menos a Anatel proibiu as operadoras de cortar ou reduzir a velocidade da internet fixa depois que acabar o pacote de franquia. Sério, deixem comentários alto-astral, porque eu tô muito triste agora... ]

Marcadores: , , ,



[MEME] O post do "meme dos boy magia sensuais" (Girl, [Un]Happy. 2016).
Postado por Tenie | quarta-feira, 6 de abril de 2016 | 2 Comentários | link to this post
Saudações, terráqueos (aproveitando que o lay espacial ainda tá no ar)! Como vocês estão?
Eu tenho passado bem. Ainda cansada, desanimada e levemente revoltada com as coisas que eu tenho que fazer - digo, não com as coisas propriamente, mas com o ambiente, eu diria. O importante é que I will survive (Hey, hey!
Hoje tem meme, porque este blog é uns 40% meme e os outros 60% são chororô. Meme, yay!!!
Mas, antes de qualquer coisa, hoje é o aniversário da minha grande amiga desde sempre, a Beca! Todo mundo dê os parabéns a ela, porque ela merece! [Esse post deve sair com um dia de atraso, porque eu só terminei muuuuito tarde as coisas]
Eu estou muito feliz por tê-la por perto e eu desejo a ela tudo de melhor nessa nova fase e neste ano!

Eu fui indicada pela Hello, do L'Énigmatique, para fazer o Anime Crush Challenge - ou, como ela chamou, "meme dos boy magia sensuais"! Eu estava doida pra fazer, mas ninguém tinha me indicado... Estou tão feliz que a Hello roubou esse meme para a nooooooossa alegriaaaaa! Valeu, Hello, de coração!

Agora eu vou falar do único tipo de boy magia que eu pego, que é o tipo fictício mesmo.
Enjoy!
Aliás, as imagens ficaram mega-estranhas, mas é porque eu gosto de uns personagens que só têm screencap pequena e feia na internet, aí eu tive que variar.
REGRAS
• Você deve listar pelo menos 5 crushes, embora você possa compartilhar mais, se quiser;
• Dê, pelo menos, duas razões pelas quais você acredita que o(a) personagem é digno(a) de ser seu "husbando(a)"
• Diga-nos o nome dos cinco personagens, com direito a imagem/gif!
• Por favor, marque, ao menos, dois blogs para responder esta tag este meme;
• Créditos ao BUNNY DAYS por traduzir o meme.

1) Shun (Saint Seiya/Cavaleiros do Zodíaco)

Quando eu era um toquinho de gente, tinha uma locadora de filmes perto de casa, onde tinha uns VHS-s de uns filmes de CDZ. A coisa deve ter começado ali mesmo, porque o Shun de jardineira é mais amor!  Sério, bring back the jardineira!!!
A minha primeira fanfic foi com ele e eu passei o final do ginásio e todo o colegial apaixonadíssima por ele. Acho que nada foi tão mais intenso que isso - nós estamos juntos há uns 10 anos (eu fiz a primeira fanfic em 2006 o/), contando só a época oficial, sem contar os anos pré-fic.
Os motivos pelos quais eu amo esse homi são: 1) ele é sensível, fofo e não é a favor de resolver as coisas na porrada (mas como CDZ é um mangá de ~lutchinha~, ele acabava tendo que partir pra ignorância anyway), ele não é um exemplo de masculinidade tóxica e nada me atrai mais. 2) Ele é lindo. É, sim.
Eu até tenho uma imagem oficial dele com uns ares mais maduros  (os olhos estão menores e a face, mais alongada. Eu conheço CDZ o bastante pra reconhecer uma arte original, ainda que ligeiramente diferente), mas esse não é o Shun de todo dia pelo qual eu me apaixonei. Então, essa imagem dele de suspensórios e carinha de baby foi a eleita, porque foi por esse Shun que eu me apaixonei (Na época, eu tinha 12 anos e não dava cadeia gostar dele).


2) Kurapika/Korapaika (HunterxHunter)

Eu amo o primeiro animê de HxH porque eu pude "conviver" muito com o Kurapika - e porque o nome dele em Pt soa muuuuuito melhor. A dublagem de HxH no Brasil era sensacional também. Ainda não tive coragem de ver o reboot e eu cansei do mangá há muuuito tempo, mas eu ainda gosto muito do Korapaika. Bom, ele é doce, inteligente, educado, é o último de sua tribo e quer vingança [Tenie sofre da Síndrome do Muffin Assassino: personagens fofos e potencialmente homicidas, mas por uma "boa razão"]. Ele é tipo o anti-Shun nesse caso: ele é gentil e doce, mas ele tá doidinho pra arrumar uma treta federal com quem matou a tribo dele. Atualmente, eu já nem lembro mais quem era.
Eu perdi interesse na história, que parece que vai sair do hiatus por esses tempos agora, mas eu ainda gosto muito dele e, bom, essa coisa de último da minha tribo influenciou alguns personagens que eu escrevi na época em que eu estava por dentro da história.
Apesar de eu declaradamente, por ora, ter interesse só no primeiro animê produzido, eu ainda acho que não tem quem desenhe o Kurapika melhor que o Togashi mesmo. O miolo do mangá é meio desleixado, mas rostos e imagens de capa são sempre um must - e eu só tenho a agradecer.


3) Kaoru Hiitachin (Ouran)

Eu sempre gostei de gêmeos fictícios, principalmente se forem ruivos e endiabrados. Como em HP, eu amava Fred e George, mas muito mais o Fred. Em Ouran, Kaoru sempre foi o meu pãozinho de mel, porque ele era mais suave e mais maduro que o Hikaru. Eu adorava como ele fez de tudo para ajudar o Hikaru (e o Tamaki, um pouco) a admitir seus sentimentos e a alcançar um mundo maior que o mundinho deles, mesmo quando ele também amava a Haruhi, mesmo quando ele mesmo também gostaria de ficar naquela esfera protegida deles. No anime, isso é menos trabalhado, mas está maravilhosamente feito no mangá. Então, apesar de o Kaoru ser um diabinho zombador, diferente do Shun e da Utena (que é mais séria), eu gosto dele por ser esse fofo disposto a altos sacrifícios pelas pessoas que ele ama (ele jamais admitiria gostar da Haruhi se isso significasse destruir o Host, por exemplo).

[MENÇÕES HONROSAS: Todos os solteiros de Ouran - Takashi Morinozuka e Kyoya Ootori. Apesar de eu ter esse mega-crush no Kaoru desde os meus 13 anos, eu me vejo mais casada com o Mori mesmo, porque nós dois nos parecemos - ele é essa pessoa super-gentil, mas que parece bravo, e que é comprometido com as pessoas que ama de um jeito bastante canino - e mesmo nas coisas em que não nos parecemos, seríamos bem complementares? E o Kyoya... É, veja bem, nós dois íamos montar um império juntos, porque meu jeito endiabrado é um endiabrado mais Kyoya do que Kaoru (ou seja, um endiabrado capitalista e administrador). No fim das contas, eu e o Kyoya poderíamos ser a Persephone do Marketing e o Hades da Administração. No caso do Mori, eu ia ser Hades. É, ele é muito paz e amor, gente - coisa que eu não sou]


4) Soujiro Seta (Rurouni Kenshin)

Antes que alguém me pergunte porque eu só vou atrás dos novinhos, a resposta é porque eu estou pegando os crushes antigos - já faz uns bons 7 anos que eu não vejo um animê que seja, e os mangás que eu li ultimamente ou não têm um crush meu (porque eu me apaixonei pelo casal da história antes, por sinal, ou porque tá fraco de crush) ou eu ainda não li o bastante pra ter achado um crush (Yu Yu Hakusho e Marmalade Boy, mais precisamente). Quando eu comecei a ver animê e ler mangá, eu ainda era mais nova que eles (tinha uns 11 ou 12). Sim, estou naquela época deprimente da vida em que eu estou ficando bem mais velha que os personagens das coisas que eu gostava. Detalhes, detalhes.
Eu amo o Soujiro desde o primeiro dia em que ele apareceu no animê, porque ele tem uma backstory triste e um arco de redenção lindo, e porque ele é bonito (Eu também era apaixonada pelo Kenshin e pelo Sanosuke, mas isso são detalhes tão pequenos de nós dois ou três?). Eu sei, ele era um assassino a serviço do Shishio, mas é pra isso que o arco de redenção serve, meu povo e minha pova! 
Eu sou chegadona num bishounen bem-educado, muy habilidoso com as mãos (hehehehehe) e um arco de redenção bem-sucedido. Veja bem, ele tem um passado interessante, é um cara empolgante, ok? É sim. (Vai virar o meme de "Justifique até a morte porque você gosta de uma figura fictícia", vou parar por aqui).
Eu só o amo, ok? Ok.

5) Yuujirou Shihoudani (PrincessPrincess)

Apesar do Kaoru, eu posso dizer que este é o pior elemento da lista (O Soujiro matou gente, O Kurapika quer matar gente, o Keith levava vida dupla, o Shun e o Sanzou só se metem em pancadaria, mas este aqui é o pior elemento da lista). O Yuujiro nunca matou ninguém, mas, de longe, ele é a bad bitch do harém.
Kaoru pode chorar, mas é verdade. Ele é um provocador de primeira, nunca para de ser irônico e está sempre cutucando as pessoas - principalmente o coitado do Mikoto, porque ele sabe que o Mikoto sempre explode. Ele é um tipinho meio egoísta e muito mercenário - ele é tipo uma fusão dos gêmeos com o Kyoya - mas vai melhorando conforme a história passa. Infelizmente, eu gosto desse cretininho. Poxa, ele é charmoso, ele tem classe (bom, de forma limitada, digamos assim... É, 99% princess, mas aquele 1% é vagabundo) e ele conseguiu a façanha de me manter gostando dele mesmo depois de deixar de gostar do mangá. Well played, Yuujiro.
Ele não tem esses braços esculpidos na história, pra ser sincera, e eu me apaixonei pela aparência super-suave dele - e pela forma como a Mikiyo Tsuda desenha os olhos dele - mas eu também acho as imagens do animê lindas. Nunca vi o animê, mas taí a versão sexy do Yuujiro pra vocês.


6) Keith Harcourt/Black Rose (Ashita no Nadja)

Eu falei que eu gosto de gêmeos, right? Of course right! [Foi uma referência à Matchmaker, de Fiddler on the Roof]
Mesmo antes de eu gostar do Fred ou do Kaoru, eu já estava apaixonada pelo Keith. Primeiro, ele é um vigilante mascarado, o Black Rose, que luta em nome da justiça e do amor (Keith >>>>>> Bruce Wayne) e que está disposto a se sacrificar para que a Nadja consiga o que ela mais quer no mundo, que é achar sua mãe. Segundamente, ele é elegantérrimo! Se o Yuujiro é um elegante meio pirateado, o Keith é um lorde, tem modos de verdade (Mas ainda rola aquele 1% vigilante/vagabundo)! E, pra coroar a coisa, ele é ryco! hahahaha Bom, mais ou menos. Acho que a família pode tê-lo destituído do dinheiro quando ele foi dado como morto, mas... Bom, com um cara desses, é na rua, na chuva, na fazenda ou numa casinha de sapé~! (Ou não. Eu tenho medo de ter barbeiro na casinha de sapé)
Em suma, eu amo homens sensíveis (masculinidade tóxica não é comigo, mores), dispostos a se sacrificar, com backstories tristes e que também precisem ser salvos (digamos que 2/3 dos homi dessa lista já foram torturados). 
O Keith é tipo meu Fantasma da Ópera, mas sem o lance assustador de te sequestrar e te trancar num porão. Acho que a analogia ficou meio ruim...
Não achei uma imagem boa do Black Rose pra fazer outra imagem, vai ficar pra outra vez.


7) Sanzou Genjou (Monkey Typhoon/Asobot Senki Goku)

O Shun é o crush primordial, o Keith e o Sanzou completam a trindade "Anime Crush da minha pré-adolescência", porque eu lembro de gostar dele muuuuuuuito antes de ver Ouran, PriPri, Utena e Rurouni. O Sanzou tem uma relação com o Keith porque tanto Nadja quanto Monkey passavam depois do Toonami, e um substituiu o outro, então, eu cai de um crush pro outro na hora - acho que Monkey substituiu Nadja, porque o Keith demora a aparecer em Nadja, mas o Sanzou é quem dá início à Monkey Typhoon).
Bom, o Sanzou era de um animê meio Sci-Fi, meio fantasia. Ele era um tipo de sacerdote/monge, que dormiu por mil anos - no formol, só pode, né? - e acordou para impedir que o mundo acabasse, guiando o "escolhido", que era o Goku (Não esse Goku, mas um outro. Os dois foram inspirados na lenda chinesa anyway). Ele era responsável e gentil - aí já viu, né? Tenie caiu morta de amores na hora! Como, no animê, os caras eram bem escrotos, o Sanzou nasceu pra ser meu favorito, com toda aquela educação, e a backstory triste e a disposição a se sacrificar para salvar todos. Mas, acima de tudo, ele era um gentleman - porque, até aí, todo mundo tinha história triste e estava disposto a morrer na jornada. O Sanzou, em particular, tinha 2 gurias grudadas nele e eu morria de ciúmes (É, ciúme do personagem fictício. Mas eu tinha 13 anos, vamos perdoar). Na verdade, eu nem lembro bem porque eu gostava tanto dele, mas ainda guardo no coração.

MENÇÕES HONROSAS (Ou seja, personagens que eu quero citar, mas não tenho muito que dizer): Cain C. Hargreaves (Conde Cain/Count Cain & God Child), que foi um crush meu fortíssimo por anos e anos, até eu me desiludir e me cansar dele. Não foi pra lista porque é um tipo de ex-crush; Yuuko (XxX Holic), porque ela é irônica, sábia e poderosa; Utena, por ser também poderosa, mas justa e maravilhosa (e dona de um dos guarda-roupas que eu mais desejo), e ela é revolucionária; Maria Tachibana (Sakura Taisen), porque ela é muito badass, é super-centrada e nunca deixou suas companheiras sem assistência; Yuukito (Card Captor Sakura), que era um crush de infância, até eu perceber que ele era gay e transferir todo meu amor por ele pro ship YuukitoxTouya; Fai D. Flourite (Tsubasa Chronicles), que também foi um crush forte, mas que perdeu lugar quando eu me cansei do mangá, mas ainda o acho uma das coisas mais lindas que já inventaram.

Como vocês puderam ver, eu não vejo animê desde os 15 ou 16 anos - e que eu não pego num mangá já faz um tempo. Eu me diverti muito, mas o motivo pelo qual eu gosto deles é basicamente o mesmo - todos têm educação, menos o Kaoru e o Yuujiro, mas eu gosto deles dois por isso mesmo.
Eu vou indicar minhas duas únicas amiguinhas: a Beca e a Viq.
Agora eu vou, porque já tá tarde, eu tô morrida de cansaço e eu ainda tenho que estudar muuuuuito amanhã!
Cuidem-se!
Kisus, kisus


Marcadores: , , , , , ,